quarta-feira, 31 de agosto de 2016

#ABRINDO UMA NOVA PÁGINA NA VIDA



APÓSTOLO TADEU SANTOS

TEXTO-CHAVE: GÊNESIS 35:16-18
16 Eles partiram de Betel, e, quando ainda estavam a certa distância de Efrata, Raquel co­meçou a dar à luz com grande dificuldade. 17 E, en­quanto sofria muito, tentando dar à luz, a parteira lhe disse: "Não tenha medo, pois você ainda terá outro menino". 18 Já a ponto de sair-lhe a vida, quan­do estava morrendo, deu ao filho o nome de “Benoni”. Mas o pai deu-lhe o nome de Benja­mim.


INTRODUÇÃO

            Desde o nascimento de Jacó havia uma competição entre ele e seu irmão gêmeo Esaú. Já adulto Jacó engana seu irmão e seu pai, isso lhe custou o distanciamento de sua família, pois com esta enganação seu irmão Esaú promete matá-lo. Jacó foge e vai viver em uma terra distante com o seu tio Labão. Lá ele trabalha para seu tio durante anos sem ter resultado algum. Porém, certo dia fez um acordo com o tio, pois estava apaixonado pela filha mais nova Raquel. Ele trabalha durante sete anos em troca da autorização para casar. Na manhã seguinte da Lua de Mel, descobre que casou ao invés de Raquel mas com Léa a irmã mais velha. Em decorrência da embriaguez não havia percebido o engano até então. Quando foi reclamar com o tio o mesmo responde que na cultura deles quem casa primeiro é a mais velha. Irritado e enganado faz mais um acordo se submetendo a trabalhar outros sete anos para casar com sua amada Raquel. O tempo passa eles se casam, mas Raquel não pode engravidar. Porém, o milagre acontece e engravida de José o futuro Governador do Egito. Deus os privilegia pela segunda vez, mas no trabalho de parto Raquel percebe que irá morrer e quando o menino nasce ela o chama de “Benoni” que significa filho de minha aflição. Na cultura judaica o nome dado a criança sela o seu futuro. Jacó quando ouve isto paralisa o que sua mulher fala e dá o nome a criança de “Benjamin” que significa filho da felicidade.  


1. PAGANDO O PREÇO
          
Com o decorrer dos anos conscientes e inconscientes decretamos “Benonis” em nossa vida. Estamos condicionados a viver da maneira que nos foi apresentada. Porém, Deus quer abrir uma nova página para que este condicionamento seja transformado pelas promessas divinas conquistadas na cruz.
Jacó tinha consciência do que estava vivendo, pois lá atrás ele fez o mesmo com sua família. Ele plantou um decreto “Benoni” e enquanto não reconhecesse isso sua vida não iria mudar. Deus havia uma realidade totalmente diferente para sua vida. Ele por ganância restringiu a mão divina de abençoá-lo como deveria.
 Quantos não estão da mesma maneira. O único fator significativo que direciona o seu futuro é a aflição. Não aguenta mais o fardo de peso que dia após dia tem carregado sem saber o que e como fazer para ter uma vida distinta do que está vivendo. Jacó foi enganado, porém sabia o que almejava. Quando reconhecemos que há um novo caminho para nossas vidas e estamos dispostos a pagar o preço para mudança os decretos de maldição começam a se tornarem bênçãos.
             

2. FORÇAS E CLAREZA

            Jacó mesmo sabendo que estava sendo lesado pagou o preço por sua amada Raquel. Ele concordou em trabalhar outros sete anos para o seu tio. Precisamos pagar o preço do dote para conquistar aquilo que almejamos. Mas nem todos conseguem erguer a cabeça para olhar além de sua realidade, entendem que precisam de mudanças, porém não possuem alvos. A mente e o coração estão cauterizados pelas perdas.
            Deus conhecia o coração de Jacó e proporcionou um novo tempo para sua vida. Deus conhece o seu coração e está te proporcionando. Peça ajuda ao Espírito Santo para que Ele te dê forças e clareza.
O que você está disposto em dar em trocar para que haja uma mudança em sua vida e consequentemente de sua família?
                                                  

3. CONSTRUINDO COM A FÉ

            Passou-se os anos de Jacó, sua amada foi conquistada e os filhos vieram. Porém, a vida tem seus altos e baixos. Sua amada morre e o fruto do seu amor está selado com um decreto de morte “Benjamin”.
Outro fato da cultura judaica da época é que o homem não poderia tocar no sangue do parto da mulher. Quando Jacó ouviu o decreto “Benoni” em seu fruto ele rompeu a tradição segurou o menino e declarou “Benjamin” fruto da felicidade.       
            Quantas áreas de sua vida estão seladas com decretos de maldição? Os frutos relatam a sua história. Os frutos declaram quem está imperando em sua vida o decreto de “Benoni” ou de “Benjamin”.
           
            Declare “Benjamin” em todas as áreas que já estão decretadas “Benoni”. A fé para romper o impossível, a fé para dar vida onde há morte, a fé para viver aquilo que Jesus conquistou na cruz e que dá por direito a todos aqueles que acreditam (Isaías 53:5).


CONCLUSÃO

O preço do dote se chama fé. Se você acreditar em Deus Ele vai virar a página de sua vida. Ele pode mudar qualquer realidade. Permita que isso ocorra em sua alma, seu futuro, sua saúde, seus sonhos, em tudo aquilo que está morto em sua vida. Deus quer ressuscitar um novo tempo “Benjamin” em sua história.
A fé move o impossível. A fé move o coração de Deus. A fé move as mãos Daquele que tem o controle de tudo. A fé irá fazer amar e pagar o preço que for necessário para que a página seja virada.
“Benjamin” este é o decreto que marcará a nova página de sua vida.


MÚSICA: CREIO QUE TÚ ÉS A CURA – GABRIELA ROCHA

terça-feira, 23 de agosto de 2016

#UM MILAGRE PARA CADA DIA



                                                                                                                            Bispo Rodrigo Santinelli
 
Vivemos nossa vida dia após dia como se tudo o que aconteceu ou acontecerá viesse de forma natural a ponto de nos surpreender. Só conseguimos pensar e falar com Deus sobre algo, a partir do momento que o controle não está em nossas mãos, um exemplo claro disso: Um dia estava em uma casa de praia e fomos caminhar, eu, meu pai e meu avô. Andamos por volta de três horas. Quando chegamos estávamos sem a chave da porta de entrada, só o que tinha em nossas mãos era o controle do portão da garage, mas ele parou de funcionar. A campainha da casa também parou de funcionar. Não tinha em nossas mãos um celular e os orelhões ao redor estavam todos quebrados. E ninguém podia escutar nossos gritos de desespero no portão por causa da distância. Naquele exato momento começamos a orar - "Deus avisa alguém que estamos aqui no Sol".
 Você percebeu que algo tão simples, que parecia nunca dar problema virou motivo de um clamor!
               A oração do "Pai Nosso" vem nos ensinar que até mesmo em momentos do dia a dia, ou em momentos grandiosos devemos colocar tudo nas mãos de Deus.


TEXTO-CHAVE: MATEUS 6:9-13
9 Vocês, orem assim: "Pai nosso, que estás nos céus! Santificado seja o teu nome. 10 Venha o teu Reino; seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu. 11 Dá-nos hoje o nosso pão de cada dia. 12 Perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores. 13 E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal, porque teu é o Reino, o poder e a glória para sempre. Amém. 

               Vemos tanta grandeza na primeira parte e tanta simplicidade quando diz "...o pão nosso de cada dia nos daí hoje..." Este trecho vem mostrar que nas coisas mais comuns dependemos de Deus. No alimento, no andar, no abrir de uma porta, no acordar, no ar que respiramos, na água que bebemos. Em tudo tem as mãos de Deus. A partir de hoje temos que viver em milagre. Pois Deus tem um pão para cada dia. Então temos que orar pedir e agradecer todos os dias.
Ele não disse o pão de todo mês, ou de todo dia 20, ele disse que todo dia fará um milagre em sua vida.
Quero concluir com o milagre da multiplicação dois pães e peixes.

Marcos 6:41-44
41 Tomando os cinco pães e os dois peixes e, olhando para o céu, deu graças e partiu os pães. Em seguida, entregou-os aos seus discípulos para que os servissem ao povo. E também dividiu os dois peixes entre todos eles. 42 Todos comeram e ficaram satisfeitos, 43 e os discípulos recolheram doze cestos cheios de pedaços de pão e de peixe. 44 Os que comeram foram cinco mil homens.
              Jesus não pediu para que viesse maná do céu, Ele não pediu para que aparecesse alguém dizendo que um carro de pães tombou perto de onde eles estavam, ele não olhou para o céu e disse: "Pai multiplica esses pães". Ele simplesmente agradeceu pelo que tinha, pois sabia que para cada dia Deus tinha um milagre conforme a necessidade cinco pães e dois peixes teria alimentado os discípulos e mais Jesus por uma noite, seria o milagre para alguns. Quando os discípulos recolhem o que sobrou deram doze cestos. O milagre então se expande de alguns para uma multidão.
            Deus tem um pão e fará um milagre para você e através de você. Pois Deus tem um milagre para cada dia.
         

 MÚSICA: MILAGRE – ANDRÉ VALADÃO

terça-feira, 16 de agosto de 2016

#O LEGADO DA LEGÍTIMA PATERNIDADE




APÓSTOLO TADEU SANTOS

TEXTO-CHAVE: LUCAS 8:40-49

40 Quando Jesus voltou, uma multidão o recebeu com alegria, pois todos o esperavam. 41 Então um homem chamado Jairo, dirigente da sinagoga, veio e prostrou-se aos pés de Jesus, implorando-lhe que fosse à sua casa 42 porque sua única filha, de cerca de doze anos, estava à morte. Estando Jesus a caminho, a multidão o comprimia. 43 E estava ali certa mulher que havia doze anos vinha sofrendo de hemorragia e gastara tudo o que tinha com os médicos; mas ninguém pudera curá-la. 44 Ela chegou por trás dele, tocou na borda de seu manto, e imediatamente cessou sua hemorragia. 45 "Quem tocou em mim?", perguntou Jesus. Como todos negassem, Pedro disse: "Mestre, a multidão se aglomera e te comprime". 46 Mas Jesus disse: "Alguém tocou em mim; eu sei que de mim saiu poder". 47 Então a mulher, vendo que não conseguiria passar despercebida, veio tremendo e prostrou-se aos seus pés. Na presença de todo o povo contou por que tinha tocado nele e como fora instantaneamente curada. 48 Então ele lhe disse: "Filha, a sua fé a curou! Vá em paz". 49 Enquanto Jesus ainda estava falando, chegou alguém da casa de Jairo, o dirigente da sinagoga, e disse: "Sua filha morreu. Não incomode mais o Mestre".


INTRODUÇÃO

Neste mês comemoramos o Dia dos Pais, por isso vamos relatar nesta ministração a importância do pai fazer jus ao seu papel de referência para sua família e sociedade.
Na passagem bíblica vemos duas situações Jairo, líder religioso respeitado e uma mulher que já alguns anos estava enferma. Porém, a história que iremos focar é a deste líder religioso que procura Jesus, pois sua filha também está com uma grave enfermidade.
            Jairo era um líder religioso com uma das maiores patentes que alguém poderia ter. Jairo possuía riqueza, honra, formação intelectual admirável, poder entre outras atribuições que uma pessoa de sucesso poderia ter. Porém, aquilo que mais amava estava fragilizado a sua família. Sua filha como o texto descreve está enfermidade grave com apenas 12 anos de vida. Jairo com todo seu poder, riquezas e influência está vulnerável, pois nada disso estava servindo para trazer a saúde de sua filha de volta.
             
  
1. O CICLO MARGINALIZADO
          
            O primeiro Pai que o mundo teve o privilégio de prestigiar foi o próprio Deus. Nele vemos as atribuições de um verdadeiro Pai. Um Pai que se alegrou, mas que também se entristeceu, pois foi traído. Adão foi criado para governar e dar orgulho ao coração de Deus. Inclusive na semana passada na ministração Ou Você Domina ou Será Dominado citamos a importância de sermos a imagem e semelhança de nosso Pai Celestial Deus. Quando Adão caiu e pecou Ele como filho virou as costas para seu Pai e isso trouxe várias consequências para si e para toda humanidade. Porém, como já relatado vamos atribuir esta mensagem ao papel que o pai deve representar e ser para sua família.
            Hoje vemos uma sociedade corrupta e marginalizada não limitando apenas nas questões de crimes, mas em seus valores e princípios. Os filhos estão se corrompendo por não terem referenciais íntegras dentro da casa que vive. Pais que deveriam ser heróis, porém são as portas da mutilação do futuro de seus filhos.
            A questão é que estes pais que não são referenciais também não tiveram quem os direcionassem, tornando assim em um ciclo de mutilação de gerações.
Quantos nessa célula podemos dizer que cresceram e crescem em lares que vão querer replicar para seus filhos?


2. CONFLITOS QUE TRAZEM CRESCIMENTO

            Jairo estava em um conflito como qualquer pai que ama estaria. No caminho do desespero não sabia o que mais poderia fazer, pois sua filha definhava com o passar do tempo. Por mais que relutasse e acredita-se no milagre sabia que a sentença da morte batia na porta de sua família. Foi então que compreendeu que havia apenas uma pessoa que poderia curar a sua filha.
            Analisando a cultura da época Jesus por alguns era considerado um oportunista rebelde que se intitulava como Salvador do mundo. Jesus era um inimigo que confrontava com suas palavras e ações a liderança da sinagoga que Jairo fazia parte. Pedir ajuda para Jesus é o mesmo que apoiá-lo. Jairo estaria decretando o fim de sua honra e correndo até mesmo risco de vida. Mantinha sua posição ou arriscava a jogar tudo para o alto pedindo ajuda para Jesus pela saúde de sua filha.
            O que você pai ou futuro pai está fazendo por sua família? É preciso compreender que por mais que você mesmo não tenha sido direcionado por seu pai agora você tem a responsabilidade de ser luz que direcionará o futuro de sua família. Fazer filho é fácil, mas criar, educar e mostrar presença é outra história.

            Mulher, por mais que esta ministração parece se limitar para o homem ela diretamente está ligada em você. A bíblia diz que a mulher sábia edifica a sua casa e a tola destrói (Provérbios 14:1). Não admita que seu marido seja um qualquer e trate também a sua família de forma banal. Não apoie esta indiferença. O seu futuro e de sua família dependa também de você. Seus filhos precisam ter um pai e não como mencionado um qualquer que apenas os alimenta quando faz isso. Se posicione no particular com seu marido e com sabedoria aponte os seus erros. Ore por e com ele.  O seu futuro e de seus filhos dependem também de você.  


3. NÃO TENHA MEDO MAS ACREDITE

            Jairo ao ver sua filha daquela maneira abandona tudo o que construiu com o decorrer de seus anos e corre ao encontro de Jesus. Abandona seu cargo, sua honra, seu respeito e se humilha aos pés de Jesus pedindo ajuda. Neste momento recebe a notícia que tudo tinha finalizado a menina morreu. Jairo abandonará tudo por sua filha e receba a notícia que foi em vão. Jesus entendendo a dor de Jairo diz para não ter medo apenas acreditar e a filha será curada.
Jesus vai até a casa de Jairo, pede para tirar todo mundo de dentro dela com exceção de alguns discípulos, Jairo e sua esposa a mãe da menina. Enquanto as pessoas estavam saindo da casa Jesus diz que a menina não está morta apenas dorme e neste momento as pessoas riem.
            É necessário entender que para as mudanças acontecerem em sua casa as pessoas precisam sair para Jesus permanecer e que o milagre virá das mãos Dele. Mas enquanto Jesus está dizendo que a vida da sua família irá mudar há pessoas que estão rindo da situação.
            Para o milagre acontecer a família precisa se unir e isso acontecerá através do líder da família o pai. Quando não há este líder Jesus se torna o Pai e prepara o caminho para um novo tempo para aquela família. Quando convidamos Jesus para entrar em nossa casa por pior que a situação esteja Ele pode mudar a situação.
            Quem são as pessoas que estão dentro de sua casa? Elas riem ou apoiam quando o milagre de mudança está sendo decretado? Cuidado.


CONCLUSÃO

Jairo e sua esposa olhavam para aquela cena. Momentos cruciais que mudariam a vida daquela família de vez. Não havia mais nada da porta para fora que amavam mais do que estava naquele quarto. Riquezas, amigos, honras ou qualquer outra coisa nunca terão a mesma importância que sua família unida ao lado de Jesus.
Jesus segura a mão daquela menina que aos olhos humanos está morta e diz para ela se levantar. No mesmo instante ela se levanta. A alegria daquela família retorna ao mesmo tempo que a vida volta ao corpo daquela criança. Jairo olha para aquela situação e vê que sua fé em Jesus trouxe vida para sua filha. Jesus neste momento ordenou duas coisas. A primeira que alimenta-se a menina e a segunda que não conta-se para ninguém o que havia ocorrido.
Convide Jesus para levantar tudo o que está morto em sua família, mas não conte para ninguém os milagres que Ele irá fazer. Se tiver que falar conte partes e deixe que as pessoas entendam como quiserem entender. O que importa é a restauração da família através dos milagres que Jesus irá realizar.

Pai se posicione, pois quando isso ocorrer a sua história e de sua família mudará de uma vez por todas. 
Não há nada neste mundo que tenha mais valor do que Deus e sua família. Quando faz desta forma Ele mesmo acrescenta e abençoa tudo aquilo que precisa. Tudo e todos estão nas mãos de Deus.

Honre aquilo que Deus te deu de mais precioso a sua família.  


MÚSICA: MILAGRE – ANDRÉ VALADÃO